Buscando a sua recomendação...

Um novo golpe anda ocorrendo no Brasil, mesmo com denúncias.

É o golpe da troca de maquininha que gera grandes prejuízos para lojistas, comércios pequenos, médios e grandes.

Saiba tudo sobre esse golpe, como ele acontece, os tipos de fraudes. E, especialmente, como se precaver e prevenir!

Como funciona o novo golpe contra lojistas da troca da maquininha?

O novo golpe da troca da maquininha já vem fazendo muitas vítimas lojistas.

A fraude acontece de forma que o lojista acaba por perder o seu faturamento, que vai para os golpistas.

Obviamente, causando grandes prejuízos a estabelecimentos de todos os portes.

O dinheiro captado pela troca de máquinas adulteradas ou fraudulentas entra em uma conta pertencente aos criminosos e não ao lojista.

Como os golpistas agem?

Para conseguir concretizar o crime, grupos criminosos envolvidos no novo golpe se passam por representantes de empresas idôneas de maquininhas de cartão.

Então, realizam a troca do dispositivo original por um falso, quase que idêntico ao verdadeiro.

Para isso, eles simulam que a troca da maquininha é necessária para a segurança do estabelecimento, a fim de convencer o lojista.

E mais! Alguns grupos de golpistas chegam até a se passares por clientes. E, se funcionários do estabelecimento se distraem, os bandidos conseguem fazer a troca sem que ninguém perceba.

Para a infelicidade dos lojistas que caem nesse novo golpe, os responsáveis financeiros dos estabelecimentos podem levar dias para perceber que algo está errado.

Nesse caso, o prejuízo e os transtornos vêm se tornando ainda maiores.

→ VEJA TAMBÉM: Como Aumentar sua Renda? 9 Melhores Formas de Ganhar Dinheiro Usando Suas Habilidades

Dicas para evitar o novo golpe da maquininha com alvo nos lojistas

O melhor é sempre prevenir, pois uma vez recebido o golpe, os prejuízos de transtornos são inimagináveis.

Nesse caso, separamos algumas dicas sobre como se proteger do novo golpe com alvo nos lojistas: a troca de maquininha:

1. Informe e treine a equipe

Conscientize e treine a equipe, em especial, os funcionários que têm acesso direto ao público e às máquinas para receber pagamentos.

A atenção de todos os colaboradores do estabelecimento deve ser máxima.

Por exemplo, não aceitar a troca de máquinas sem comunicar um supervisor ou algum departamento responsável.

Que possa conferir detalhadamente a transação e se ela é, realmente, feita sob o comando das empresas de maquininhas.

2. Chame a atenção de todos sobre distrações

Como já mencionado, também podem ser alvos das quadrilhas que aplicam o novo golpe.

Portanto, oriente atenção máxima de todos os colaboradores do local, deixando as máquinas em lugares seguros, onde ela é usada somente na hora de o cliente passar o cartão.

Os dados da maquininha e das transações devem ser sempre conferidos pelo funcionário, assim, é possível perceber algo estranho. Isso porque maquininhas falsas podem falhar algumas vezes.

3. Marque o aparelho para evitar cair no novo golpe da troca da maquininha

Vale também marcar as maquininhas do estabelecimento, por exemplo, com adesivos.

Isso evita que o golpe seja dado na troca escondida do equipamento pelos criminosos.

→ VEJA TAMBÉM: 7 Passos Para Você Construir e Aumentar a sua Riqueza em 2023

Como o lojista pode proceder se cair no novo golpe da maquininha

  • Verifique a conta corrente que recebe os pagamentos feitos pela máquina.
  • Entre em contato com as autoridades, fazendo um Boletim de Ocorrência em uma delegacia.
  • Contrate um advogado de confiança, pois se houver possibilidades de reaver algum prejuízo, o estabelecimento terá que entrar com processo.
  • Reveja a segurança dos dados de seu estabelecimento. Por exemplo, senhas de conta corrente, contratos do uso de máquinas, etc.
  • Caso tenha acesso aos dados bancários ou mesmo pessoais dos golpistas, não entre em contato ou faça qualquer coisa por conta própria, isso pode ser perigoso.

Outros tipos de golpe de maquininhas

Além do novo golpe da troca de maquininha, outros crimes mais antigos ainda seguem acontecendo, infelizmente.

Conheça alguns deles:

Golpe da maquininha falsa

Golpistas costumam trocar maquininhas verdadeiras por maquinas falsas de pagamento. Essas máquinas faltas são quase que idênticas às originais.

Além disso, eles se disfarçam de pessoas credenciadas oferecendo vantagem ao lojista para trocar a máquina, como: menores taxas, repasses mais rápidos, etc.

Assim, quando um cliente do lojista passa ou insere seu cartão de crédito ou de débito na máquina falsa, os dados do cartão são clonados. Depois, os criminosos podem fazer compras com os dados.

O consumidor lesado, ao acionar a justiça pode ter o caso descoberto e o lojista é envolvido na investigação, podendo ser responsabilizado também pela fraude.

Por exemplo, há casos desse tipo onde o lojista enganado teve de arcar com advogados para provar que também foram vítimas do golpe da troca da maquininha.

Golpe da maquininha quebrada

Quadrilhas disfarçadas de funcionários ou de representantes de empresas sérias mentem sobre defeitos apontados na máquina de um estabelecimento.

O lojista, temendo ter prejuízos, aceita trocar a máquina supostamente quebrada sem mais detalhes.

Então, o golpe está dado, acontecendo o que ocorre com o tipo de fraude mencionado no item acima.

Por fim, vale ressaltar o que já mencionamos, além de se adotar as dicas para evitar cair no novo golpe da maquininha trocada.

Nunca tome providências sozinho, isso pode ser perigoso para o seu estabelecimento, você e seus funcionários. Sempre informe as autoridades responsáveis.

→ VEJA TAMBÉM: Renda Passiva: As 6 Melhores Formas de Fazer Renda Extra